Krešimir Ćosić é um membro de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, e nasceu no dia 26 de novembro de 1948 em Zagreb, a capital e a maior cidade da Republica da Croácia. Ele cresceu em Zadar, uma cidade localizada no Mar Adriático. Este também é o lugar onde o basquete Croácia nasceu em 1930.

Ćosić começou sua carreira no basquete em Zadar em 1965, jogando para o KK Zadarna Liga A-1. Eventualmente ele se tornou um jogador profissional representando a Iugoslávia internacionalmente. Ele veio aos Estados Unidos para jogar basquete na Universidade Brigham Young de 1971 a 1973. Enquanto estava na universidade, ele tinha uma média de pontos de 19.1 a cada jogo e de 11.6 nos jogos fora de casa.

Depois de deixar a Universidade Brigham Young, ele foi recrutado varias vezes pela Associação Nacional de Basquete (NBA) e uma vez pela Assoaciacao Americana de Basquete (ABA). Em abril de 1972 ele foi recrutado pelo Portland Trail Blazers como a primeira escolha em uma rodada de 10. Em 1973 ele foi convocado pelo Los Angeles Lakers como a decima quinta escolha em uma rodada de 15. Ele foi o primeiro jogador estrangeiro a ganhar o cobiçado premio All-American da United Press International em 1972 e 1973. Ćosić também foi recrutado pela Associação Americana de Basquete (ABA) para jogar para a Carolina Cougars em 1973 e para o Boston Celtics em 1976. No entanto, ele optou por retornar ao seu país a Iugoslávia, onde era um herói nacional, primeiramente para jogar e depois trabalhar como treinador.

Ćosić participou também de varias Olimpíadas. Ele jogou nas Olimpíadas de 1968, 1972, 1976 e na de 1980. Ele liderou o time iugoslavo nas Olimpíadas do México em 1968, onde ganharam a medalha de prata, e a medalha de ouro foi conquistada nos jogos Olímpicos de Moscou em 1980. Em 1970 e em 1978 ele liderou o time da Iugoslávia e conquistaram duas medalhas de ouro em campeonatos internacionais.

Depois de se aposentar como jogador ele se tornou um treinador conquistando a medalha de prata nas Olimpíadas de 1988 na Coreia do Sul, e duas medalhas de bronze no Campeonato Mundial da FIBA em 1986 e o Euro Basket em 1987. Em 1991 a FIBA (Federação Internacional de Basquete Frances) nomeou Krešimir  Ćosić como um dos 50 maiores jogadores do mundo.

Alguns anos depois ele trabalhou como diplomata da Croácia nos Estados Unidos na embaixada de Washington, D.C. Ele também trabalhou para aumentar a segurança do local onde a embaixada esta sediada.

Krešimir Ćosić morreu em Baltimore, Maryland no dia 25 de maio de 1995 depois de uma longa batalha contra uma forma de câncer conhecida como o linfoma de non-Hodgkin. Ele tinha 46 anos de idade. Mesmo após a sua morte seu nome continua vivo como um dos maiores lendas do basquete. Algumas das honras que recebeu postumamente foram: (informação obtida da Wikipédia – Krešimir Ćosić)

  1. Em 1996 ele se tornou o terceiro jogador estrangeiro a ser eleito para o Hall da Fama do Basquete em Springfield, Massachusetts, o lugar do nascimento do basquete.
  2. No dia 4 de março de 2006, Ćosić tornou-se o segundo jogador do basquete masculino a ter sua camisa aposentada pela Universidade Brigham Young (o outro foi Danny Ainge).
  3. Em 2007 ele foi consagrado no Hall da Fama da FIBA
  4. O marco croata anteriormente conhecido como Castelo Califfi agora leva o nome do astro de basquete e Churchman.
  5. Existe uma praça em Zagreb na Croacia que leva o seu nome (Trg Krešimira Ćosića).
  6. O estádio da KK Zadar tem o seu nome.

Durante sua vida, Krešimir Ćosić também foi um membro exemplar da Igreja  e serviu como líder e missionário da Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias. Ele se converteu ao Mormonismo durante o tempo que passou na Universidade Brigham Young. Foi batizado por Hugh Nibley, um proeminente estudioso da Igreja SUD. Ele também serviu como representante presidente do Sacerdócio SUD na Croácia pós-comunista e foi o instrumento pelo qual A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias se estabeleceu na Iugoslávia. Ele também traduziu o Livro de Mórmon – Outro Testamento de Jesus Cristo (Mormonova knjiga -Drugi zavjet Isusa Krista)e Doutrina e Convênios (Nauk i savezi) para o croata.