Os meios de comunicação começaram a se perguntar onde Mitt Romney frequentaria a igreja se fosse eleito presidente. Os Mórmons – um apelido dado as pessoas que pertencem a Igreja de Jesus Cristo de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias – costumam frequentar as capelas mais próximas do lugar onde vivem. Isto significa que sabemos onde Romney frequentará a igreja. As congregações Mórmons são chamadas Alas, e Romney frequentaria a Ala Três. Esta ala esta prestes a se mudar para um novo edifício em uma rua próxima a Casa Branca e é rodeada por igrejas de outras denominações.

A Ala é predominantemente Democrata e, como muitas das congregações Mórmons no leste é formada por pessoas de varias origens. Quase metade da congregação não é branca e muitos falam espanhol ou francês – os que falam francês são originários do continente africano. Mitt Romney serviu uma missão Mórmon na França, o que lhe permitirá exercitar novamente sua habilidade com o francês. Alguns líderes da congregação são homossexuais assumidos. (Os Mórmons não consideram a atração pelo mesmo sexo um pecado em si. Praticar a homossexualidade ou defender o comportamento homossexual são considerados pecados. Aqueles que levam uma vida celibatária podem ser membros da Igreja). Muitos são recém-conversos – a Ala recebe 25 novos conversos por ano. As pessoas da Ala são provenientes de 24 países. A Ala oferece ajuda financeira aos membros que estudam para que consigam terminar seus estudos e fornece também uma grande ajuda financeira aos membros em dificuldades. Eles estão fazendo um grande armazenamento de alimentos que disponibilizará uma grande quantidade de comida para um banco de alimentos do bairro quando o novo edifício for dedicado.

Os membros da congregação disseram que Romney será bem recebido independentemente de suas visões políticas. A Igreja é neutra politicamente e por isso não apoia partidos ou candidatos, a filiação política de um membro não é importante e raramente é colocada em questão.

É claro que a participação de Romney na Ala não será igual a dos outros membros. O bispo – um pastor leigo – Robert Nelson, diz que procura conversar privadamente com cada novo membro. Seu trabalho é descobrir o que a Ala pode fazer por eles e o que eles podem fazer pela Ala. A Igreja Mórmon é uma igreja de leigos, e todos trabalham para manter os seus programas funcionando, incluindo o Escotismo, programas para crianças e jovens, programas de alfabetização, os esforços humanitários e as atribuições regulares de ensino. Encontrar um lugar para os Romney pode ser um desafio, não porque um presidente teria direito a um lugar especial na congregação, mas porque ele não pode comparecer regularmente. Além disso, pode haver problemas de segurança para alguns chamados.

Por exemplo, cada família recebe a visita mensal de um mestre familiar, e todos os membros ativos do sacerdócio a partir dos 14 anos servem como mestre familiar. Aos mestres familiares são atribuídas várias famílias que visitam mensalmente. Eles ensinam uma breve mensagem espiritual e edificam um relacionamento pessoal com a família. Geralmente se uma família precisa de ajuda, ela entra em contato com o seu mestre familiar, que procura atender as suas necessidades e se necessário pede a ajuda dos líderes da igreja. Os mestres familiares garantem que todos tenham o suficiente para comer, assistência durante momentos de necessidade, ou simplesmente de alguém para conversar. As mulheres também servem como e recebem a visita de professoras visitantes. Questões de segurança também pode ser um desafio. O cronograma de trabalho de Romney pode impedi-lo de servir em alguns chamados.

Dito isso, ser rico ou famoso não tem nenhum impacto sobre a posição de um membro na igreja. O presidente dos Estados Unidos poderia servir ensinando na Escola Dominical ou ajudando no berçário. Os chamados voluntários da igreja, são feitos através de inspiração, por isso os Romney poderão servir em qualquer posição que Deus desejar que sirvam.

About Destro